Segurança Cibernética com base na Resolução CNJ 396-2021

Carga Horária

20 horas

Instrutor

Eduardo Chaves
Curso Online
Apresentação Cursos

Apresentação

Tendo em vista o aumento de ameaças cibernéticas, conforme demonstrado por recentes incidentes de segurança em órgãos e empresas do setor público brasileiro, torna-se necessária a criação de Programas de Segurança Cibernética, com vistas a implantar sistemas adequados de proteção. Com essa finalidade, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) instituiu a Estratégia Nacional de Segurança Cibernética do Poder Judiciário (ENSEC-PJ – Resolução CNJ 396/2021), que traz diretrizes para que órgãos do Poder Judiciário implantem seus Programas Internos de Segurança da Informação.

Público Alvo

Público Alvo

Gestores e técnicos de órgãos do Poder Judiciário, nos níveis estratégico e tático. Gestores e equipes das áreas de Auditoria Interna, Gestão de Riscos e Compliance.

Mais Informações

A Estratégia traz recomendações para: avaliar a situação dos órgãos (assessment interno); realizar análise de risco e validação de objetivos a serem alcançados; implantar mecanismos de proteção cibernética; validar a implantação do sistema de gestão de segurança; atender a determinações do controle interno e externo; estabelecer bases normativas internas; estruturar equipes e responsabilidades; promover a mudança cultural; desenvolver processo de comunicação de incidentes de segurança da informação e criar a governança necessária para manter todas as atividades citadas.

A complexidade dessa estratégia faz com que muitos órgãos enfrentem dificuldades na sua concepção, implantação e acompanhamento; tornando demorada a tomada de decisão e a execução de ações para enfrentamento de ameaças. Tal demora torna organizações vulneráveis à ocorrência de incidentes e as sujeitam a sanções previstas na legislação e por órgãos de controle.

O curso tem por objetivo apresentar o passo-a-passo para a implantação da Estratégia de Segurança Cibernética, conforme previsto na Resolução CNJ 396/2021, com abordagem prática e visão dos requisitos essenciais para o programa, bem como capacitar gestores a desenhar, implantar e acompanhar o Programa de Segurança Cibernética do órgão, em conformidade com a Resolução, indicando práticas, técnicas e ferramentas a serem utilizadas.

Benefícios para os alunos

O treinamento capacita o participante a avaliar, planejar, implantar e acompanhar a execução de um programa interno de segurança cibernética.

Ao término do curso o participante receberá certificado emitido pelo Instituto Brasileiro de Governança Pública (IBGP).

Conteúdo Programático

  • 1. Principais Riscos e Vulnerabilidades

    • a. Classes de ataques cibernéticos e Vulnerabilidades dos sistemas de informação
  • 2. Resolução CNJ 396/2021 – Comparação com padrões internacionais e normas internas de órgãos brasileiros

    • a. Estrutura da resolução: PSEC-PJ, ENSEC-PJ e PCESC-PJ e Comparação com padrões internacionais: ISO 27000, OWASP, NIST e CIS
    • b. Normas Poder Executivo: PNSIC, PNSI, E-Ciber, ENSIC, PLANSIC e GSI INs 01, 03 e 05
  • 3. Avaliação interna (assessment) da segurança da informação no órgão

    • a. Avaliação de sistemas de informação on-premises
    • b. Impactos da adoção de nuvem pública, de serviço IaaS, PaaS e SaaS e do trabalho remoto
    • c. Modelo CIS V8 para assessment interno (análise dos 18 controles)
  • 4. Análise dos riscos para priorização de ações

    • a. Análise de risco em TI, entendendo probabilidade e impacto, e seleção de controles baseada em risco
    • b. CIS Risk Assessment Method - RAM
  • 5. Estruturação do Programa de Segurança Cibernética

    • a. Sistema de Gestão da Segurança da Informação e Programa de Segurança da Informação
    • b. Política Corporativa de Segurança da Informação e Treinamento, Estrutura Organizacional, Auditoria e Orçamento
  • 6. Equipe, estrutura interna e governança para suporte à segurança

    • a. Comitê de Governança de Segurança da Informação e Encarregado pelo tratamento de dados (LGPD)
    • b. Gestor de segurança da informação e Gestor de conformidade
    • c. Gestor de riscos de Segurança da Informação e Gestor de riscos de Continuidade de Negócios
    • d. Equipes de Tratamento de Incidentes
  • 7. Impactos no planejamento institucional, na cultura e em treinamentos

    • a. Compromisso alta gestão, PET, Plano de Gestão, Estratégia Digital e PDTI
    • b. Mudança cultural e treinamentos especializados
  • 8. Política de Segurança Cibernética

    • a. Escopo, Conceitos, Princípios, Diretrizes, Competências, Penalidades e Atualização
    • b. Normativos requeridos pelas ISO 27002 – 5, pelas IN 01 e IN 05 – GSI e na Portaria CNJ 162/2021
  • 9. Acompanhamento da execução do Programa e questões de auditoria

    • a. Gestão ágil do plano e engajamento de equipes e Questões de auditoria com base no CIS
  • 10.Portaria CNJ 162/2021 - Resposta a incidentes: Prevenção, Gerenciamento, Investigação e ETIR

    • a. Protocolo de Prevenção de Incidentes Cibernéticos, Protocolo de Gerenciamento de Crises Cibernéticas e
    • Protocolo de Investigação para Ilícitos Cibernéticos no âmbito do Poder Judiciário
Local/data de Realização

19 a 23/junho - IBGP On-line

Valor por Participante
R$ 2.300,00

Formas de Pagamento da Inscrição

  • Setor Público Apresentação da Nota de Empenho
  • Depósito em Conta Corrente Banco do Brasil - 001
    Agência: 3476-2 | Conta Corrente: 125.253-4

Razão Social: Curso Loureiro Ltda.
CNPJ: 18.735.319/0001-20
Inscr. Est.:CF/DF 07.655.102/001-67